Sessão remota

Experiência exitosa de soluções virtuais adotadas pelo parlamento brasileiro é destaque em publicação internacional

Artigo assinado por três brasileiros, sendo dois servidores do Legislativo federal, faz um mapeamento das medidas de inovação que colocam o Brasil como um bom exemplo de trabalho nas casas em tempos de pandemia da Covid-10

 

O site Apolitical.com, uma plataforma colaborativa que reúne informações acerca de boas práticas implementadas por servidores públicos em mais de 160 países ao redor do mundo,  destacou entre suas publicações o artigo “What a completely virtual parliament looks like”, escrito a seis mãos por um time de brasileiros: Patricia Almeida, coordenadora de Inovação e Estratégia Digital da Câmara dos Deputados, Rodolfo Vaz, coordenador de Soluções Digitais para Transparência, também da mesma Casa e Luis Kimaid, CEO da Bússola Tech, plataforma que conecta cidadãos com as práticas políticas inovadoras.

O texto lista as soluções adotadas nas casas legislativas nacionais frente à situação de isolamento social, imposto à população em decorrência da pandemia da Covid-19. Os autores ressaltam que todos estamos aprendendo a usar novos aplicativos e tecnologias outras de comunicação para nos conectarmos socialmente, por motivos pessoais, profissionais e também para exercitar nossos direitos democráticos, como cidadãos. Afinal, as atividades parlamentares, como a representação do eleitorado, o processo de construção de normas e a fiscalização do governo são essenciais em uma sociedade democrática.

No artigo, conhecemos um pouco mais das ferramentas eleitas para manter o trabalho das casas sem interrupção, mesmo com o fator do distanciamento físico. “Todas as soluções compartilham de um nome comum (tecnologia), mas elas nos seguem por uma enorme variedade e complexidade de sistemas de uma simples ferramenta de vídeo conferência e aplicativos de mensagens privadas a um robusto sistema que permite que os parlamentares sigam com seus deveres quase que da mesma forma como se dava antes da pandemia”, destaca o texto.

A experiência bem sucedida da Câmara dos Deputados é descrita como um exemplo do acerto nas escolhas de inovação. A interface do uso de serviço de videoconferência para recepcionar as discussões, e que pode manter em separado a ferramenta de votação, com o aplicativo Infoleg, que já havia sido lançado em 2016, acelerou o processo de implantação do novo modelo, que contou com atualizações da ferramenta, já pensada na digitalização dos trabalhos, que atendessem à nova realidade. Todo esse trabalho garante a celeridade e a transparência às atividades da Casa.

Para conhecer o conteúdo completo do artigo, clique aqui e leia a versão em inglês.

Deixe seu comentário