WhatsApp Image 2020-07-02 at 17.22.07

Fenale realiza 1º Encontro Nacional por Videoconferência

Sindilegis participa de evento que debateu o impacto dos novos tempos nas relações humanas e sindicais

A Federação Nacional dos Servidores dos Poderes Legislativos Federal, Estaduais e do Distrito Federal (Fenale) realizou seu primeiro Encontro Nacional por videoconferência na última terça-feira (30). A diretora de Benefícios do Sindilegis, Fátima Mosqueira, participou da reunião que debateu, em contexto de pandemia da Covid-19, os novos tempos nas relações humanas e sindicais e a importância da defesa da democracia.

O evento online reuniu representantes de entidades sindicais parceiras de servidores legislativos da União, Estados e do DF. Um dos resultados da conferência foi a votação e aprovação da “Carta à Nação”, que expõe o posicionamento da entidade frente à política governamental de desmonte do Serviço Público e a vilanização dos servidores.

O texto explica que “no momento em que muitas decisões têm sido tomadas pelo parlamento brasileiro, de forma apressada e sem a necessária discussão para dar uma resposta à sociedade frente à pandemia, muitos direitos dos servidores públicos vêm sendo violentados, com destaque ao congelamento de salários até o final de 2021, entre outras medidas.

Os servidores têm sido também alvos de ataques por parte de órgãos governamentais, principalmente do titular do Ministério da Economia, Paulo Guedes. Por várias vezes o ministro utilizou adjetivos jocosos para se referir a servidores, taxando-os de ‘parasitas’, ‘saqueadores’, ‘assaltantes’ e ‘inimigos’ da Pátria, com nítida intenção de jogar a opinião pública contra a categoria, justamente neste momento em que a mesma vem demonstrando a importância de um Estado forte no atendimento à população carente, em especial nas áreas da Saúde, da Segurança, da Educação, da Justiça e do Legislativo”.

Fátima Mosqueira representou o Sindilegis durante a videoconferência e celebra o sucesso da reunião. “Foi realmente um evento muito proveitoso. Conseguimos trocar experiências e compartilhar estratégias. Sempre aprendemos muito quando conseguimos ouvir o que cada entidade tem feito diante dos constantes ataques aos direitos dos servidores. Para nós, do Sindilegis, essas parcerias sempre resultam em bons frutos e mostram a força proveniente de nossa união”, refletiu.

A pauta da reunião também previu a leitura e aprovação de ata, comunicação de reposição da Diretoria Executiva, leitura e aprovação do Relatório de Atividades referente ao período novembro/2019 – abril/2020; apresentação de Relatório Financeiro, no mesmo período e apresentação e votação de moções. Além disso, os dirigentes também discutiram a necessidade de se manter o distanciamento social como medida de preservação do sistema de saúde neste momento de pandemia.

A reunião foi o quarto encontro realizado online pela entidade, que procura manter a frequência das discussões, dado o contexto vivido pelos servidores. José Eduardo Rangel (RJ), presidente da Federação explicou, na abertura da conferência que o objetivo da entidade é “realizar o nosso Encontro com a mesma qualidade e dedicação das nossas reuniões físicas”.

Leia a íntegra da Carta à Nação, da Fenale, aqui.

Com informações da Fenale

Deixe seu comentário