9-dicas-para-otimizar-a-gestao-de-contratos-em-hospitais-3-1280x640

Funcionária do Sindilegis garante economia anual de mais de R$ 160 mil para a entidade

Denise Roig, assessora da presidência, atuou nos contratos do Sindicato junto à Vivo e à agência de turismo e conseguiu recuperar o montante para os cofres do Sindilegis

Em uma ação inédita e digna de exemplo, a assessora da presidência do Sindilegis Denise Roig garantiu um retorno financeiro significativo para o Sindicato, por meio da gestão de contratos da entidade com prestadores de serviços. Em aproximadamente um ano de atuação, Roig recuperou para o Sindilegis cerca de R$ 160 mil e a previsão é que esse retorno seja ainda mais significativo nos próximos meses.

A ideia surgiu após Denise verificar que havia reembolsos junto à agência de viagem que não havia sido feitos. Após levantar os documentos que comprovavam os reembolsos, a assessora acionou a agência e garantiu um retorno de quase R$ 40 mil para o Sindicato.

A funcionária não parou por aí. Acionada pelo presidente para gerir o contrato da entidade com a operadora de telefonia móvel Vivo, Denise Roig constatou que o montante pago pelo Sindicato estava acima do que era previsto. Após diversos contatos com a Vivo, Roig conseguiu reduzir o contrato que antes era R$ 13 mil por mês para R$ 2,8 mil – contabilizando uma economia anual de quase R$ 120 mil.

De acordo com Denise, a ideia surgiu da necessidade que ela sentiu de poupar os recursos do Sindilegis, para que se pudesse investir em outras áreas prioritárias. “Eu encarei isso como um papel meu. Faço parte dessa empresa e é ela que garante meu sustento. Por isso, nada mais justo do que fazer essa economia, para que o Sindicato possa investir em outras iniciativas”, declarou.

Assim como Denise Roig, você também pode contribuir com esse projeto. Ações simples como apagar as luzes ao sair, desligar os ares-condicionados e evitar impressões desnecessárias podem contribuir para que o Sindicato tenha mais recursos para investir em cursos, eventos e muito mais. Faça parte desse projeto. O Sindilegis é a sua segunda casa!

Deixe seu comentário