img-15-03-2018-5aaada4929ffa

Nota de repúdio pelos assassinatos da vereadora Marielle Franco e de Anderson Gomes

O Sindilegis (Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e Tribunal de Contas da União) vem a público lamentar o assassinato da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL), de 38 anos, que ocorreu na noite desta quarta-feira (14).  A jovem vereadora, que tinha sua atuação pautada pela defesa dos negros e pobres, foi executada juntamente com o motorista que a acompanhava, Anderson Pedro Gomes.
O Rio de Janeiro, cidade onde vive a segunda maior porcentagem de filiados da base do Sindilegis, tem passado por momentos críticos em relação à segurança. Repudiando a violência desgovernada na cidade, o Sindilegis defende a imediata apuração desse crime hediondo e ações efetivas para a reestruturação do Rio de Janeiro.
O Sindilegis também se solidariza com a família e amigos de Marielle e Anderson, além de todos os filiados e moradores da cidade que vêm enfrentando uma onda de violência desenfreada. 
Tags: No tags

Deixe seu comentário