Nesta quinta-feira (25), a CPI vai ouvir representantes da OAB, do Conselho Federal de Economia, da CNBB e de outras instituições que discordam de vários pontos da reforma da Previdência.


Os 25 maiores devedores da Previdência serão chamados para depor perante a CPI da Previdência para explicar a razão das dívidas bilionárias com a instituição. Dentre os maiores devedores, estão empresas do setor de frigoríficos, bancos, educação, transporte e indústria. O relator da CPI, senador Hélio José (PMDB-DF), explicou que as empresas serão chamadas por ramos de atividade a partir do dia 08 de junho. Nesta quinta-feira (25), a CPI vai ouvir representantes da OAB, do Conselho Federal de Economia, da CNBB e de outras instituições que discordam de vários pontos da reforma da Previdência. A reportagem é de Carlos Penna Brescianini, da Rádio Senado.

 “Serão todos convidados a esclarecer para CPI as suas dívidas e porque não estão pagando”, disse Hélio José. 

A CPI da Previdência se reúne nessa quinta-feira, às 9h da manhã, para ouvir representantes da OAB, CONFECON, CNBB e outras instituições que discordam de vários pontos da proposta de reforma da Previdência.


Ver todas as notícias