Sindilegis_-_Live_Eleição_Comissão_Eleitoral_-_Destaque_para_o_site.jpeg

Sindilegis convoca filiados para votação de Comissão Eleitoral

Em live na terça-feira (25), o presidente Petrus Elesbão explicará o processo de escolha dos membros da comissão eleitoral responsáveis pela eleição de 2020

A eleição que vai escolher a nova Diretoria do Sindilegis para o quadriênio 2021/2025 está no horizonte. Por esse motivo, a atual gestão do sindicato vai promover uma live na terça-feira, 25/08, às 10h, para explicar o processo de formação da Comissão Eleitoral, grupo de servidores que ficarão responsáveis pela organização do pleito de 2020. A transmissão acontecerá pelo canal do Youtube do Sindilegis.

De acordo com o disposto no art. 52 do Estatuto da entidade, em até 90 (noventa) dias antes da data marcada para as eleições deve acontecer a Assembleia Geral destinada a eleger a Comissão Eleitoral, que contará com três membros, sendo um representante de cada Casa (Câmara, Senado e TCU), escolhidos entre os filiados, por seus colegas, em eleições diretas. A Assembleia Geral Ordinária vai acontecer às 10h do dia 31/08, por meio virtual em razão da pandemia de COVID 19, no endereço eletrônico bit.ly/sindilegiseleicao2020.

Este ano, o processo eleitoral passará por ajustes para se adequar às novas regras de distanciamento social. Por isso, a eleição dos membros da Comissão Eleitoral será feita no modelo drive-thru, na sede do Sindilegis em Brasília (SGAS 610, conjunto C, módulo 70, Asa Sul – L2) e em locais definidos nos estados, preferencialmente na sede das secretarias do TCU, que serão divulgados no site do Sindilegis nos próximos dias. Os filiados poderão participar do processo eleitoral sem sair de seus carros.

“Uma das principais preocupações da nossa gestão foi garantir um processo democrático com ampla participação. De imediato convocamos o Conlegis e alteramos o estatuto para facilitar a formação de chapas. Agora, com a pandemia, estamos fazendo tudo o que está ao nosso alcance para possibilitar a participação de todos no processo com segurança, começando pela eleição da comissão eleitoral que vai comandar o pleito”, destaca Petrus Elesbão.

Acesse o edital de convocação para a Assembleia Geral da eleição para Comissão Eleitoral aqui

Deixe seu comentário