DSC_0365

Sindilegis se une ao Senado para recepcionar 46 novos senadores e assessores

Seminário será realizado em três dias e busca ambientar os recém-chegados à Casa legislativa sobre seu funcionamento, sua organização e suas peculiaridades

Um importante passo para o novo ano legislativo que vem aí foi dado nesta quarta-feira (28). No Interlegis, o Senado Federal, em parceria com o Sindilegis, proporcionou um momento de boas-vindas aos 46 novos senadores eleitos e seus assessores com o seminário “Conhecendo o Senado”. Serão três dias de imersão na Casa, com informações sobre o funcionamento do Senado Federal, organograma, localização de gabinetes e tarefas desempenhadas pelos novos legisladores.

Na chegada para o café da manhã, na abertura do evento, todos os participantes receberam um kit do Senado contendo folder com passo a passo, livro com organograma da Casa, formulário, caderno, caneta e outros produtos em uma ecobag do Sindilegis – tudo isso para auxiliar na ambientação dos novos senadores e assessores.

A diretora-geral, Ilana Trombka; o secretário-geral adjunto, José Roberto Leite de Matos; o diretor do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), Helder Rebouças; Gustavo Ponce de Leon, chefe de gabinete da Primeira-Secretaria, representaram o Senado na abertura do seminário.

Em meio a um auditório lotado, Ilana reafirmou que o papel dos servidores é oferecer todos os instrumentos para proporcionar o melhor trabalho possível aos senadores. “Nós somos um time e estamos trabalhando há mais de seis meses intensamente para proporcionar os melhores instrumentos para os que estão vindo aí”, afirmou.

Já o diretor do ILB, Helder Rebouças, apresentou aos participantes do Interlegis o trabalho desenvolvido pelo Instituto Legislativo Brasileiro e afirmou que todos os servidores estão preparados e com disposição para dar as respostas adequadas às demandas. “Nosso trabalho tem como cliente os gabinetes parlamentares e os servidores da Casa”, apontou.

O presidente do Sindilegis, Petrus Elesbão, afirmou que o seminário irá contribuir para que a Casa consiga obter o melhor desempenho do poder Legislativo. “É um trabalho desafiador, mas esses são os princípios da democracia: garantir o direito do exercício do mandato e de ideias, a pluralidade de pensamentos e, dessa forma, extrair o melhor desempenho possível dos 81 representantes do Senado. E nossos servidores estão mais do que preparados e capacitados para oferecer esse suporte aos novos parlamentares que chegam em 2019”, afirmou.

Programação

Nos próximos dias, os parlamentares e assessores contarão com cursos ofertados pelo Instituto Legislativo Brasileiro, rodas de conversa, uma visita guiada aos gabinetes e às Casas e toda uma programação pensada especialmente para garantir a melhor ambientação dos recém-chegados.

Tags: No tags

Deixe seu comentário