Um ano de muitos avanços

Foto-1
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

A nova diretoria do Sindilegis completou, no dia 15 de abril, um ano à frente da Instituição, com muitas notícias positivas e avanços proporcionados por uma gestão eficiente e disposta a trabalhar para conquistar ainda mais. Ao reestruturar internamente o quadro de pessoal e refazer contratos com prestadores de serviços, os diretores conseguiram aumentar em 25% o fundo de reserva, além de garantir a melhoria de vários serviços já existentes.

Uma das primeiras mudanças foi interna. Organizados para tornar a estrutura sindical mais eficiente, produtiva e menos onerosa, a diretoria contratou uma equipe de consultores, que fez um diagnóstico, apontando para uma reestruturação.

“Iniciamos com esse o objetivo de reorganização e modernização da estrutura sindical. O que sentíamos era que existiam setores estratégicos e vitais para o Sindilegis que estavam subaproveitados. Pensando nisso, investimos no aperfeiçoamento desses setores e enxugamos outros que não influíam tanto na estrutura do Sindicato”, explicou Dario Corsatto, Diretor Administrativo e Financeiro do Sindilegis.

Os efeitos positivos da reformulação já foram vistos nos primeiros meses. O quadro de pessoal mais enxuto possibilitou, além de uma redução expressiva dos custos, uma comunicação interna mais eficiente e sinérgica dentro do Sindicato. O Sindilegis também implementou plano de cargos de salários para os funcionários, valorizando o trabalho prestado em prol dos sindicalizados.

Mas as mudanças não pararam por aí. Os serviços gratuitos foram reformulados e ampliados. A clínica odontológica – Odontolegis, por exemplo, está sob nova direção e aumentou a gama de serviços prestados. Além disso, os horários de atendimento foram ampliados, para facilitar a vida dos servidores: de 8h às 20h durante a semana e das 9h às 13h aos sábados.

Outro avanço: a Consultoria Jurídica do Sindilegis está ainda melhor. Para se ter uma ideia, apenas no início deste ano, foram cerca de 1.700 atendimentos. O desempenho positivo também foi elogiado durante a atuação para resguardar os servidores do abate-teto. Os profissionais trabalharam inclusive aos sábados e domingos em esquema de plantão.

A comunicação com os filiados foi aprimorada. Com a produção de informativos periódicos, os servidores passaram a ficar por dentro de todos os trâmites e ações dentro do Sindilegis. Os filiados também ganharam espaço nas publicações para divulgarem seus talentos e opiniões.

“Estamos buscando uma maior aproximação com a base atuando em várias vertentes. Além de descentralizarmos a diretoria com a criação das vice-presidências para cada Casa, também implementamos jornais direcionados, representando um passo importante para os servidores”,  explicou Eduardo Dodd, vice-presidente do Sindilegis para o TCU.

“Não vamos parar e nem nos acomodar. Muitos outros projetos ainda estão por vir. Queremos atender da melhor forma a nossa razão de existir – os filiados – promovendo benefícios, cursos, palestras e muito mais”, ressaltou Nilton Paixão, presidente do Sindilegis.


Para 2014 o Sindilegis prevê ainda mais novidades. Confira:

* Universidade Aberta: criação de cursos sobre Legislativo e TCU abertos, inclusive, para a sociedade, onde os servidores poderão ser professores;

* Ouvidoria: um novo canal para que os filiados registrem dúvidas, sugestões e reclamações;

* Arraiá Legis: em 2014 a festa promete ser um dos melhores eventos juninos de Brasília. Serão três dias de pura diversão no clube da Ascade;

* Copa Sindilegis e Encontro de Representantes Regionais: assim como nas edições anteriores, os dois eventos prometem integração e troca de experiências para com os servidores.

* Olimpíadas Sindilegis: como desdobramento da Copa Sindilegis, a Olimpíada deverá atingir todos os servidores com atividades esportivas.

Shopping Basket