eleições

Nota de Esclarecimento

SINDICATO DOS SERVIDORES DO PODER LEGISLATIVO FEDERAL E TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO – SINDILEGIS

Os membros da Comissão Eleitoral, regularmente eleita pela Assembleia Geral Extraordinária em 31 de agosto de 2020, no uso das atribuições estatutárias que lhe confere o Estatuto do Sindilegis, vem a público fazer os seguintes esclarecimentos:

– Com relação a contatos realizados por empresas de telemarketing que em tese representariam futuras chapas ao pleito eleitoral de 2020 aos filiados do Sindilegis, a Comissão Eleitoral esclarece que não possui acesso a nenhum dado pessoal dos filiados, nem se encontra entre suas atribuições estatutárias a posse ou guarda desses dados,  desvinculando-se portanto de qualquer iniciativa neste sentido, bem como esclarecendo que só haverá chapas formalmente constituídas quando da aferição da regularidade das inscrições dos candidatos, o que se inicializará somente a partir do dia 13 de outubro de 2020, conforme calendário eleitoral divulgado anteriormente;

– A Comissão eleitoral, em função do contexto de Pandemia e também de greve dos Correios, receberá as fichas de inscrição no endereço eletrônico: [email protected], no período de 13 a 16 outubro. Os documentos deverão ser digitalizados de forma legível, sob pena de desconsideração. Documentos enviados fora deste prazo também serão desconsiderados. Os candidatos deverão enviar posteriormente a documentação original para o sindicato para comprovação da regularidade da inscrição.

– Em função da necessidade da Comissão Eleitoral avaliar se os filiados que participarão da votação em 30 de novembro cumprem os requisitos estatutários, notadamente o disposto no parágrafo 2 do artigo 11 do Estatuto, poderão participar da eleição os filiados que realizarem a filiação até o dia 31 de outubro e permanecerem nesta condição até o pleito eleitoral.

Brasília 09 de outubro de 2020

Comissão Eleitoral 2020

Deixe seu comentário